Espiritismo Educação Recursos Ajuda Serviços
Estudos
Salas de Estudo      O Livro dos Espíritos      O Evangelho      A Gênese
O Livro dos Médiuns      Série André Luiz      Série Philomeno   Educar      Família      
Home > O Livro dos Médiuns
SEGUNDA PARTE-Capítulo XXVII–Das evocações-item 345-347 (Estudo 107 de 133)

       

Reflexões

1) Qual o cuidado fundamental deve ter o grupo no exame das comunicações espontâneas? Por quê?

2) Como se poderia classificar a sessão descrita no item 346?

3) Dê um exemplo de quando se pode prescindir dos médiuns em reuniões espíritas.

 
SEGUNDA PARTE-Capítulo XXVII–Das evocações-item 345-347 - Conclusão Voltar ao estudo
 
CONCLUSÃO

1) O maior cuidado deve ser com a análise do resultado da comunicação; análise que deve ser feita conforme a lógica e a razão e de acordo com a doutrina que professamos, pois estaremos sempre sob a influência de espíritos atrasados, atraídos pela nossa própria imperfeição. E a ferramenta mais necessária é o estudo, o que nos capacita para um exame crítico, aprofundado e coerente.

2) Pode-se classifica-la na categoria das reuniões sérias em busca de instrução.

3) Nas reuniões de estudos não há necessidade de manifestações ostensivas, pois se estuda o que já foi escrito como as obras básicas, por exemplo; também nas reuniões doutrinárias com participação pública, onde se trata de temas morais já consagrados como os temas do Evangelho de Jesus.
1998-2018 | CVDEE - Centro Virtual de Divulgação e Estudo do Espiritismo