Espiritismo Educação Recursos Ajuda Serviços
Estudos
Salas de Estudo      O Livro dos Espíritos      O Evangelho      A Gênese
O Livro dos Médiuns      Série André Luiz      Série Philomeno   Educar      Família      
Home > O Livro dos Médiuns
SEGUNDA PARTE-DAS MANIFESTAÇÕES-Capítulo II-Das mesas girantes–itens:60-64 (Estudo 14 de 133)

       

Reflexão

1. Qual a importância do fenômeno das mesas girantes para a explicação dos fenômenos físicos observados?

2. Já vimos como se dá a ação dos espírito sobre a matéria: o espírito age sobre a matéria atavés de seu perispírito e manipulando o Fludo Cósmico Universal: qual o papel do médium nestas manifestações?

3. Que influência tem no fenômeno a "força" do médium?
 
SEGUNDA PARTE-DAS MANIFESTAÇÕES-Capítulo II-Das mesas girantes–itens:60-64 - Conclusão Voltar ao estudo
 
CONCLUSÃO

1. Esses fenômenos, além de terem dado oficialmente origem à codificação espírita, vieram trazer luz sobre a naturalidade dos fenômenos espirituais, até então considerados "maravilhosos"; foram utilizados pelos Espíritos para chamar a atenção dos homens.

2. O médium contribui como um mediador, ou seja, através da sua materialidade, seu perispírito, somando seus fluídos também, tornando possível a manifestação física.

3. Quanto melhor o médium, ou seja, quanto mais preparado moralmente ele estiver, mais facilmente se dá a manifestação.
1998-2018 | CVDEE - Centro Virtual de Divulgação e Estudo do Espiritismo